Início > artes do espetáculo, sessão 5, [3] comunicações orais > Avesso ou Reverso: Registro-Performance?

Avesso ou Reverso: Registro-Performance?

28/01/2010

Maíra Zenun
mestre em sociologia
TRANSE | Universidade de Brasília
Luisa Günther
doutoranda em sociologia
Instituto de Artes, Departamento de Artes Visuais | Universidade de Brasília
TRANSE | Universidade de Brasília

resumo Serão desenvolvidas reflexões sobre “um troço pelo seu troco” (2009) registro de uma performance realizada com o intuito de questionar a estrutura de estratificação social do mercado de trabalho. Realizada enquanto intervenção crítica na realidade urbana, esta performance ocorre nos intervalos de um semáforo das ruas do centro de Brasília. Uma pessoa de tubinho preto e salto alto pede dinheiro aos motoristas enquanto remexe um copo de alumínio com moedas e exibe uma pintura emoldurada em dourado. Enquanto isso acontece, outra pessoa a filma a tira-colo escolhendo sua interlocutora principal entre outros possíveis. Ao equiparar o artista ao pedinte que mendiga esmolas esta performance questiona o valor da arte e do artista na sociedade. No entanto, ao apresentar esta ação sendo filmada esta performance toma uma dimensão mais irônica pela espetacularização de algo que os motoristas se esforçam em não ver. O fingimento incomodado é escancarado aos próprios olhos. É permitido não olhar aquilo que te encara? É o embaraçoso que embaraça a visão? Quem olha quer enxergar? … mas ninguém olha.

trabalho completo [indisponível]

%d bloggers like this: