Início > [1] conferências > Entre Teatralidade e Performance nos mascarados de Podence (Portugal)

Entre Teatralidade e Performance nos mascarados de Podence (Portugal)

14/03/2010

Paulo Raposo
Instituto Universitário de Lisboa [ISCTE]
Centro em Rede de Investigação em Antropologia [CRIA]

resumo A ideia central é discutir como no domínio desta performance cultural se podem reformular e repensar os modelos analíticos antropológicos que têm interpretado as expressões performativas da cultura à luz de uma releitura dos conceitos de teatralidade e de performance oriundos do campo artístico. No quadro etnográfico de uma festa de mascarados, realizada numa localidade portuguesa em transição pós-rural, e decorrente de uma historiografia possível do processo festivo local, podemos pensar como modelos de actuação performativa se vão alterando, complementando e dissociando no tempo. Os principais personagens da festa – os Caretos – são aqui os sujeitos, personas (performers) e personagens de um complexo performativo que é articulado com ciclos histórico-sociais da vida de Portugal e do seu mundo rural. O modo como esta festa se tem vindo a desenvolver – em modalidades de turistificação cada vez mais complexas – tem complexificado as interconexões entre as dimensões rituais, de espectáculo teatral e de performance. E no limite, a figura dos Caretos chega mesmo hoje a ser “canibalizada” por turistas acidentais que ali se investem de alteridade numa experiência vivida do Outro.

trabalho completo

Categorias:[1] conferências
%d bloggers like this: